Blog de Buzios
+ notícias na capa

Retratos da natureza

Em tempos de suculentas e cactos tomando conta dos jardins e da decoração no interior das casas, Búzios tira onda! Um cacto conhecido como cabeça-branca (Pilosocereus ulei), que atinge altura média de sete metros, é restrito no mundo à Região dos Lagos, em especial, às paisagens buzianas.

 

O valor desse tipo de vegetação é reconhecido pela União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) como Centro de Diversidade Vegetal, título dado a raros pontos do mundo com alto grau de endemismo, preservando espécies raras e ameaçadas.

 

Beleza da caatinga fluminense, típico de clima semiárido, os cactos gigantes preenchem os cenários de Búzios, em especial à beira-mar.

 

E há quem use a vegetação de modo sustentável. Numa terra onde grande parte do povo vive do mar, comer o fruto do cacto, chamado cardo, é comum entre os pescadores. Para quem pretender apenas observar as plantas, as mesmas florescem no outono e frutificam no inverno. Aproveite para caminhar pelas trilhas que ligam as lindas praias da região para ver os cabeças-brancas de perto!

 

 

Comentários

// Previsão do Tempo

Confira a previsão do tempo para os próximos dias!

// Música

Ritmos diversos deixam as noites ainda mais animadas

// Cinema

Acompanhe a programação do Gran Cine Bardot e bom filme!